Vender o carro para comprar um apartamento: vale a pena?

Vender o carro para comprar um apartamento: vale a pena?

Quando se deseja comprar um imóvel, diversas ideias passam pela cabeça do interessado. Permuta, venda de bens e outras soluções são altamente cogitadas, mas uma que vem sendo cada vez mais bem cotada é vender o carro para comprar um apartamento.

Principalmente em épocas de crise, é natural recorrer às mais distintas artimanhas para alcançar o sonho de ter a casa própria. Mas será que vale mesmo a pena vender seu carro para dar entrada em um apartamento?

Tire suas dúvidas com o post de hoje e tome a melhor decisão!

As vantagens de vender o carro para comprar um apartamento

O principal benefício em se desafazer de um carro para ter um apartamento é que, enquanto o automóvel é um bem que se desvaloriza com o passar dos anos, o mesmo não pode ser dito sobre os imóveis.

Você estaria trocando algo que perde seu valor de mercado de acordo com o tempo de uso por um bem que não se desvaloriza. Ao contrário: dependendo da localização e das condições da propriedade, seu imóvel pode valorizar com o passar dos anos.

Além disso, ter uma casa própria te dará mais estabilidade para seguir a vida profissional e afetiva. Você também se tornará mais independente e organizado com as suas finanças.

O que levar em consideração

Para saber se é mesmo a ocasião certa para vender ou dar seu veículo como entrada de um apartamento, é preciso fazer uma análise honesta sobre sua vida.

O carro é um meio imprescindível para a sua locomoção diária? Em quais despesas (com transporte público ou táxis) implicaria a venda do automóvel? Quanto tempo a mais você demoraria em chegar ao trabalho ou para retornar? Quanto você gasta com combustível?

A avaliação deve ser bem minuciosa sobre qual é o papel do veículo em seu cotidiano. Só assim você saberá se o carro é um bem que realmente fará falta ou se você pode se desfazer dele.

Considere aspectos como a quilometragem e o ano do carro para saber qual é o seu valor atual no mercado. Lembre-se ainda que, ao se desfazer do carro, você não terá mais despesas como o IPVA, que complica a vida de muita gente no começo de cada ano.

O melhor momento para fazer a substituição de bens

Se por um lado a crise aperta o orçamento das famílias, por outro traz mais oportunidades para compras de bens.

É bastante comum, por exemplo, encontrar corretores e imobiliárias que estão dispostos a fazer negócios que, em períodos de grande alta nos preços dos imóveis — como na época entre 2008 e 2013 —, não seria possível.

Uma solução bem interessante atualmente  é a dação do veículo pela entrada do apartamento pela própria imobiliária, além de outras permutas. Esse acordo é assinado oficialmente, o que também garante ótimo nível de segurança para os dois lados.

Existem regras a serem seguidas quanto ao estado de conservação do carro e requisitos específicos para que o ajuste tome forma. É feita, ainda, uma estimativa oficial do preço do automóvel, a fim de que seja abatido da quantia pedida pelo apartamento.

Por isso, se você quer mesmo comprar uma casa, aproveitar a situação atual do mercado brasileiro pode ser uma boa oportunidade. Para saber se vale mesmo abrir mão de seu automóvel, faça antes uma avaliação detalhada de sua vida cotidiana e dos pontos positivos e negativos dessa ideia!

Vender o carro para comprar um apartamento não é uma decisão fácil, e precisa ser muito bem planejada. Curta a nossa página no Facebook e acompanhe outros conteúdos para embasar sua decisão!

Gostou do texto? Não gostou? Comente abaixo!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ligamos para você