Quais são as vantagens do piso laminado?

Quais são as vantagens do piso laminado?

Quando o assunto é acabamento, quais são seus preferidos? Para quem está pensando em sair do aluguel e comprar um apartamento, o piso laminado muitas vezes pode ser uma boa opção. Ele é bonito, versátil e possui diversos tipos, que permitem brincar e transformar o ambiente de várias maneiras, sem a necessidade de “quebradeira”.

No entanto, antes de tomar uma decisão, é preciso conhecer as vantagens e desvantagens de cada uma das opções. 

Hoje, vamos falar sobre o piso laminado: veja quais são as vantagens desse tipo de acabamento, quais são suas desvantagens, quais os tipos e, principalmente, como cuidar para garantir a sua vida útil.

Quais são as vantagens do piso laminado?

Que o piso laminado está na moda, todo mundo sabe! Hoje ele é uma das primeiras opções para quem quer reformar a casa, e pode ser utilizado nos mais diversos cômodos.

Se você está pensando em reformar a casa ou em comprar um apartamento e sair do aluguel, avalie quais são os itens de acabamento e veja se, dentre eles, está o laminado.

O piso laminado é versátil e pode ser uma excelente alternativa nesse momento. Entenda quais são suas vantagens e por que optar por ele.

1. Custo benefício

Uma das maiores vantagens do piso laminado é o custo benefício. Se avaliarmos o valor do material em relação a outros tipos de acabamento, ele pode ser muito mais barato.

E, claro, apesar do preço mais baixo, oferece diversos outros benefícios, como durabilidade, versatilidade, isolante térmico, facilidade para instalar e outros detalhes.

2. Durabilidade

O piso laminado possui uma grande durabilidade. Existem diferentes tipos, e aquele que é estruturado para ambientes com alto tráfego de pessoas pode permanecer por muito tempo sem prejudicar. 

Esse tipo de piso também pode ser muito resistente à quebras e riscos, garantindo que permaneça intacto por muito mais tempo. 

Nesse sentido, por ser ainda mais durável, ele acaba sendo mais econômico, pois a necessidade de trocar é reduzida. A atenção é necessária para os cuidados básicos diários para garantir o aumento da durabilidade.

3. Versatilidade

Se você quer versatilidade, o piso laminado também pode ser uma boa opção. Disponível em diversos modelos de madeira e cores distintas, ele pode se adequar aos diferentes estilos de decoração: desde os mais clássicos aos mais ousados.

Além disso, por ter essa versatilidade, ele também pode ser utilizado em diferentes cômodos da casa, como salas, corredores, cozinhas e quartos. Tudo irá depender de como você quer decorar o ambiente. Mas tenha certeza: para qualquer que seja o estilo, há um modelo de piso laminado disponível.

4. Manutenção

A manutenção do piso laminado também é simples. Quem tem piso de madeira, por exemplo, sabe que é necessário ter um cuidado especial para garantir a durabilidade e o visual do material.

No caso do laminado, os cuidados são mais tranquilos: um pano levemente úmido para limpar e um pano seco para que não absorva a umidade são suficientes para garantir a limpeza e a beleza do laminado.

5. Isolante térmico

Além disso, o piso laminado também é responsável por garantir uma temperatura mais agradável dentro do ambiente. Por ser instalado sobre uma manta, feita de um material que é mais “quente”, o piso pode funcionar como isolante térmico.

Se você busca por uma casa mais acolhedora e aconchegante, o laminado pode ser uma excelente opção.

6. Fácil instalação

Por fim, sabemos que a instalação do piso laminado é mais simples. Se você quer mudar o piso da casa para investir nesse modelo, pode ser uma boa alternativa: o trabalho é mais rápido, sem necessidade de muita quebradeira para ser devidamente instalado.

Quais são as desvantagens do piso laminado?

Quais são as desvantagens do piso laminado?

Apesar de ter vários benefícios, o piso laminado também pede por uma avaliação mais profunda. Como todo tipo de acabamento, ele também tem desvantagens que precisam ser consideradas antes de tomar uma decisão.

Vamos conhecer algumas delas?

Menos resistência à umidade

Um detalhe que precisa ser considerado é a menor resistência à umidade. Como explicado anteriormente, uma das facilidades de limpar o chão é a possibilidade de apenas passar um pano úmido e um pano seco.

O morador que optar por instalar esse tipo de acabamento, precisará ter muito cuidado com a umidade, evitando-a ao máximo e, em alguns momentos, refazer o acabamento em verniz.

O chão molhado ou instalado em uma região úmida poderá mofar e reduzir sua vida útil.

Pode sofrer deformação com o sol

Um cuidado necessário é a proteção contra o sol. Esse modelo de piso laminado de madeira, quando é muito exposto à luz solar, pode sofrer alguns tipos de deformação.

Apesar de ser muito versátil, por esse motivo, não é indicado para áreas externas.

Pode não ser a melhor opção para quem tem cães em casa

Se você tem cachorros em casa, pode ser importante reconsiderar esse tipo de piso. Isso porque, infelizmente, os animais acabam deixando algumas gotas de xixi escaparem, aumentando a umidade do chão.

Além disso, se tiverem as unhas grandes, ao correrem dentro do espaço, poderão deixar marcas de unha e arranhões no piso, reduzindo sua durabilidade.

Se o seu cão não corre muito dentro de casa e sabe fazer as necessidades no local adequado, pode não ser um problema.

Nesse caso, tudo vai depender do comportamento do seu animalzinho, e se ele conseguirá preservar o laminado.

Barulho

Algumas pessoas acreditam que o piso laminado pode aumentar o barulho ao andar, por exemplo, com salto alto sobre ele, ou ao arrastar móveis.

No entanto, é importante ressaltar que, mesmo que esse barulho realmente exista, ele não afeta os moradores do andar de baixo, por exemplo. Isso porque o material é instalado em cima de uma manta de isolamento.

Para evitar esse tipo de problema, busque por um instalador de pisos de qualidade, especializado em laminados, para garantir que a instalação será feita da melhor forma possível.

Quais são os tipos de piso laminado?

Quais são os tipos de piso laminado?

O piso laminado é muito versátil, e pode ser utilizado em diferentes cômodos, desde que os cuidados de preservação sejam tomadas.

O piso laminado é feito através do uso de lâminas de madeira, junto com HDF, principalmente nos tipos feitos para ambientes de grande trânsito de pessoas.

Na parte de cima do piso laminado, é feita uma camada artificial para decoração, que irá permitir diversos modelos e cores, de acordo com o estilo e necessidade dos clientes.

Por cima dessa parte, está uma camada de resina de melamina, responsável pela proteção e resistência da superfície. No entanto, é importante lembrar: não é porque o piso é resistente que os cuidados devem ser ignorados: os cuidados diários são fundamentais para garantir sua vida útil.

O piso laminado de madeira é ideal para aqueles ambientes onde poucas pessoas vão. Comumente, eles variam bastante em relação a largura e comprimento das lâminas, mas costumam ter cerca de 7 milímetros de madeira em sua composição, além do acabamento em verniz.

Caso você considere a instalação em uma região de maior tráfego de pessoas, outros modelos podem ser mais interessantes. Para quem tem animais de estimação ou crianças pequenas, que costumam correr ou podem arranhar o piso de alguma forma, a versão com HDF pode ser a mais interessante, por ter maior resistência.

Antes de escolher qual tipo de piso laminado será utilizado em cada cômodo da casa, é fundamental avaliar quais são as condições do ambiente: se são ambientes de grande ou baixa circulação de pessoas, se você possui ou pretende possuir um cão, se tem filhos ou planeja tê-los, etc.

Tudo isso irá interferir na escolha do laminado e, por sua vez, na sua durabilidade.

O piso laminado tem várias vantagens, e apesar de precisar de cuidados específicos, está ganhando uma certa popularidade. Por sua versatilidade e facilidade de instalação, pode ser uma boa alternativa para os diferentes tipos de ambiente.

Seja para quem está reformando um imóvel ou comprando um novo, conhecer os tipos de acabamento é fundamental para poder fazer uma boa escolha. Se você está considerando sair do aluguel e comprar uma casa própria, é importante conhecer as mais diversas possibilidades.Por isso, sugerimos a leitura do nosso artigo sobre financiamento. Acompanhe e veja quais são os tipos de financiamento imobiliário e como encontrar a melhor opção para a sua necessidade.

Gostou do texto? Não gostou? Comente abaixo!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ligamos para você