Minha Casa Minha Vida: conheça 5 benefícios incríveis do programa!

Minha Casa Minha Vida: conheça 5 benefícios incríveis do programa!

O Minha Casa Minha Vida é uma ação criada pelo governo federal com o objetivo de democratizar o acesso à casa própria. Com uma série de vantagens, o programa tem ajudado muitos brasileiros a mudarem de vida. Recentemente, algumas regras foram alteradas, permitindo que famílias com renda mensal de até R$ 9 mil sejam beneficiadas.

Se você não conhece o Minha Casa Minha Vida, este post é para você, pois apresentaremos 5 grandes benefícios do programa. Continue a leitura e confira:

1. Subsídios do programa

O subsídio é uma espécie de auxílio que o governo oferece para que as famílias de menor poder aquisitivo possam realizar o sonho da casa própria por meio do Minha Casa Minha Vida. O valor é abatido do saldo devedor, funcionando como um desconto, sem a necessidade de reembolso.

O benefício, que pode chegar a 90% do valor do imóvel, leva em conta uma série de variáveis, como a renda familiar, o valor e a localização do imóvel, a idade do beneficiário, entre outros. A Caixa e o Banco do Brasil oferecem simuladores que permitem calcular o subsídio, bem como os demais valores referentes ao financiamento.

2. Menores taxas de financiamento do mercado

Outro grande benefício do Minha Casa Minha Vida é a taxa de juros, que está entre as menores praticadas no mercado. Para as famílias com renda de até R$ 1.800, não há sequer a cobrança dessa alíquota. Nas demais faixas de renda, o percentual oscila entre 5% e 9,16%.

3. Financiamento mais prolongado

A duração do financiamento é uma das principais vantagens do Minha Casa Minha Vida. O prazo pode chegar a 360 meses, superando a maioria das opções existentes. O grande benefício é que as parcelas se tornam mais suaves, culminando em um comprometimento menor da renda do comprador.

4. Parcelas decrescentes

No Minha Casa Minha Vida, assim como na maioria dos financiamentos imobiliários, normalmente é adotado o Sistema de Amortização Constante (SAC). Em tais circunstâncias, via de regra, as parcelas são decrescentes. Assim, com o passar dos anos, o financiamento pesa cada vez menos no bolso do comprador, diminuindo o risco de endividamento.

5. Utilização do FGTS

Os participantes do programa Minha Casa Minha Vida têm a oportunidade de utilizar os recursos do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS). O governo permite o saque em determinadas condições e a aquisição de um imóvel é uma delas.

O valor pode ser usado na entrada do financiamento. Outras alternativas, durante o pagamento, são a liquidação de parcelas e a amortização do saldo devedor. Com o passar do tempo, é possível até mesmo liquidar a dívida definitivamente.

O Minha Casa Minha Vida pode ser a oportunidade de sair do aluguel investindo, em algo seu, recursos que seriam empregados sem qualquer perspectiva de retorno. A casa própria é o sonho de uma parcela significativa da população e o programa pode ajudar você a concretizar seu objetivo.

E então, as informações foram úteis? Pretende financiar um imóvel pelo Minha Casa Minha Vida? Não deixe de assinar nossa newsletter e receba, em primeira mão, dicas e informações relevantes sobre o mercado imobiliário.

Gostou do texto? Não gostou? Comente abaixo!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ligamos para você