13 benefícios do financiamento imobiliário que você deve conhecer

13 benefícios do financiamento imobiliário que você deve conhecer

Muitas pessoas hesitam em fazer um financiamento imobiliário, seja pelo receio em assumir um compromisso muito longo ou por desconhecer o funcionamento da operação. Em boa parte dos casos, a modalidade é a única saída para quem pretende realizar o sonho de comprar um imóvel. Afinal, os benefícios do financiamento são inúmeros.

Desde que a aquisição seja devidamente planejada, não há motivos para ter medo. Neste artigo apresentaremos para você 13 vantagens do financiamento imobiliário que valem a pena conhecer. Confira!

Por que fazer um financiamento imobiliário

Se você ainda tem receio em relação a um financiamento imobiliário, fique tranquilo. Com um bom planejamento, o processo de financiamento se torna mais tranquilo. Com as condições de pagamento facilitadas, financiar um imóvel é a melhor solução para quem deseja ter o imóvel próprio, contudo, não tem dinheiro guardado para isso.

Além de sair do aluguel, fazer um investimento próprio e construir um patrimônio é uma forma de investir em seu futuro. Ao contrário de um espaço alugado, o financiamento de um imóvel leva a liberdade de personalizar sua casa, assim como realizar reparos sem a necessidade de comunicar alguém e aguardar a aprovação. Para entender melhor porque realizar um financiamento, confira os benefícios desse negócio.

Benefícios do financiamento imobiliário

Benefícios do financiamento imobiliário

Entre os benefícios do financiamento imobiliário, o mais atraente é que, ainda que você não tenha os recursos suficientes, é possível comprar um imóvel próprio, sendo essa aquisição sem grandes burocracias, visto que a aprovação da linha de crédito está cada dia mais simples. Acompanhe, a seguir, 13 benefícios do financiamento.

1. Oportunidade de sair do aluguel

Sair do aluguel é o benefício imediato de quem faz um financiamento imobiliário. A maior vantagem é que você deixa de colocar dinheiro em algo que não trará retorno e passará a investir em um imóvel que é seu. Além disso, não haverá o risco de ter que desocupar o local imediatamente e reestruturar toda a sua vida do zero.

Muitas pessoas se queixam da impossibilidade de personalizar um imóvel alugado. A maioria das mudanças, ainda que necessárias, dependem do aval do proprietário do bem. Financiando um imóvel você pode mudá-lo como sempre sonhou, lembrando que qualquer melhoria valorizará ainda mais o seu próprio patrimônio.

2. Utilização imediata do imóvel

Assim que o financiamento é aprovado, é possível ocupar imediatamente o imóvel. Quem opta por juntar todo o dinheiro necessário, por exemplo, pode ter que esperar anos até que possa, de fato, usufruir do bem.

Nesse caso, muitas vezes o comprador precisa ainda equilibrar a poupança com o pagamento do aluguel. No financiamento você pode utilizar o imóvel enquanto paga as parcelas restantes, o que torna mais fácil a organização do orçamento. Dessa forma, a possibilidade de uso imediato é um dos grandes benefícios do financiamento.

3. Possibilidade de liquidação antecipada

Fazer um financiamento imobiliário não significa, necessariamente, que você estará comprometido com o pagamento até o final das parcelas. Dependendo da sua organização e das condições financeiras, é possível antecipar as prestações ou até mesmo liquidar o financiamento, eliminando o compromisso de uma vez por todas.

Caso o financiamento seja feito pela tabela SAC (Sistema de Amortização Constante), mais comum em operações do gênero, as vantagens são ainda maiores. Nesse sistema as prestações são decrescentes, tornando ainda mais fácil a tarefa de liquidar antecipadamente o contrato.

Acessibilidade

4. Acessibilidade

Um financiamento é, muitas vezes, a única possibilidade para quem ganha pouco sair do aluguel e realizar o sonho de ter um imóvel próprio. Juntar dinheiro para comprar um imóvel à vista é uma realidade fora do alcance da maior parte da população, assim como é remota, para muitos, a chance de conseguir dar um bom lance em um consórcio.

5. Uso dos recursos do FGTS

Outro entre os benefícios do financiamento imobiliário é a possibilidade de facilitar o pagamento do imóvel ao utilizar os recursos do FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço). O governo possibilita ao cidadão a retirada do saldo em circunstâncias específicas, e a compra de um imóvel é uma delas.

Para resgatar o FGTS é preciso cumprir certos requisitos, que devem ser verificados antes de solicitar o financiamento. O recurso pode ser utilizado para compor o valor da entrada ou ainda para amortizar e liquidar prestações no decorrer do contrato.

6. Poupar para o futuro

Financiar um imóvel é uma forma eficiente de poupar e investir, com retorno assegurado. Para quem já possui casa ou apartamento, realizar o financiamento de outro imóvel é uma forma de aumentar o patrimônio com segurança. Assim, o tempo passa e seu bem se torna ainda mais valorizado, tornando-se uma saída inteligente para pessoas que têm dificuldades em economizar para o futuro.

7. Investimento próprio

Entre os benefícios do financiamento imobiliário não poderia faltar a chance de investir em um imóvel próprio. Construindo a oportunidade do patrimônio próprio, você terá a liberdade para vender ou alugá-lo quando quiser, tendo todo o retorno financeiro. Além disso, com o alto potencial de valorização, financiar o próprio imóvel é uma forma de garantir sua segurança financeira no futuro.

8. Segurança na compra do imóvel

Ao realizar o financiamento imobiliário, a transação é acompanhada por garantias e seguros que agregam a proteção do bem, cobrindo danos físicos que podem acontecer em sua vigência. Outra das coberturas previstas é a garantia de proteção em casos de danos provocados por tempestades e outros fenômenos climáticos.

9. Condições facilitadas 

Entre os principais benefícios do financiamento imobiliário não poderia faltar a possibilidade de condições facilitadas. Economizar para a compra de um imóvel à vista é uma realidade muito distante para a maioria das pessoas. 

Dessa forma, o financiamento imobiliário pode ser o maior aliado para o processo de aquisição de um imóvel. Além da chance de financiar por um prazo mais longo, você pode realizar a simulação e escolher a melhor linha de crédito, que oferece valor de parcelas, taxas de juros e condições mais vantajosas. 

Taxas de juros baixas

10. Taxas de juros baixas

Visto que o financiamento imobiliário funciona como um empréstimo, em que a instituição avalia a situação do requerente e, caso aceite, quita o imóvel perante o devedor, uma dívida é criada pelo solicitante do financiamento com a instituição, seja ela um banco, incorporadora ou construtora.

Assim, com o pagamento sendo realizado por meio de parcelas mensais, juros e taxas são acrescentados ao valor, procedimento comum em todo tipo de financiamento e empréstimo. No programa Casa Verde e Amarela, os custos para financiar um imóvel são determinados pelas faixas de renda. Assim, famílias com menores rendas podem pagar taxas, juros e impostos menores, incentivando que muitos realizem o sonho da casa própria.

11. Maior prazo para pagamento

O maior prazo para pagamento é outro dos benefícios do financiamento imobiliário. Ao financiar o imóvel, um contrato é estabelecido com as condições do negócio, como valor, taxas e juros envolvidos, formas de pagamento, e prazo para a quitação da dívida.

No programa Casa Verde e Amarela, o prazo para pagamento é bastante extenso, justamente para facilitar a vida daqueles que solicitaram o financiamento e para que a dívida possa ser quitada sem a necessidade de uma renegociação. Dessa forma, é possível solicitar financiamentos imobiliários em até 35 anos, ou seja, 420 meses. 

12. Entrada facilitada

Além dos benefícios do financiamento acima, a entrada facilitada é uma das vantagens que merecem destaque. A entrada do financiamento do imóvel é o pagamento da parcela inicial, como forma de garantir que a real intenção seja adquirir o bem.

A partir do pagamento, o número subtraído o valor a ser financiado, calculando-se as parcelas para a quitação da dívida. Em geral, o valor para entrada do financiamento é por volta de 30% do valor do imóvel. Contudo, o programa Casa Verde e Amarela apresenta o valor percentual mínimo de 10% do valor do imóvel como entrada.

13. Imóvel no nome do comprador

Por fim, o financiamento garante ao comprador a possibilidade de ter a escritura do imóvel em seu próprio nome, no entanto, com a alienação da instituição que concederá o empréstimo. Essa é uma forma de garantir que o financiamento seja pago, visto que, após duas parcelas atrasadas, pode-se perder o imóvel.

Como vimos, são muitos os benefícios do financiamento imobiliário. Por isso, se você está se organizando para adquirir um imóvel, essa é uma das possibilidades que devem ser avaliadas com calma e atenção.

Existem várias alternativas de financiamento. Para se aprofundar ainda mais no assunto, confira nosso artigo ITBI e financiamento: entenda como, quando e onde pagar a taxa.

Gostou do texto? Não gostou? Comente abaixo!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ligamos para você